O STF também arquivou um dos inquéritos de Fernando Collor na Lava Jato, "por falta de provas", informa o Jota.

Trata-se de acusação de propina na construção da nova sede da BR Distribuidora, em Salvador, em 2013.